terça-feira, 9 de abril de 2013

A VANTAGEM DO ANONIMATO


O Campeonato Mineiro vai seguindo o seu caminho com o Cruzeiro realizando uma quase impecável campanha que somente será coroada com o título, pois o ruralito é assim, só vale quando o título é conquistado.

Mas o que vale a pena comentar nessa semana foi a bela apresentação do time celeste no último domingo, pois o time se movimentou bem, a defesa com apenas uma troca fez uma partida bem segura, com destaque para o zagueiro Bruno Rodrigo, e o ataque realizou jogadas envolventes, aqui mérito para o goleador Borges.

E é aí que nasce o título da coluna de hoje, pois acredito piamente que a ausência do Cruzeiro dos grandes jogos nesse início de ano vai nos ajudar muito na sequência da temporada, especialmente no Campeonato Brasileiro, pois ao contrário dos times badalados no momento pela mídia nacional, o Cruzeiro ainda é uma incógnita para toda a comunidade do futebol, exceto para os cruzeirenses, é claro.

 A verdade é que o time vai se encaixando, está longe do ideal, mas também já está distante do Cruzeiro de um triste passado recente... O fato é que quando o time estiver azeitado, jogando com fluência, tudo vai ser novidade para os adversários que tentarão a todo custo entender este novo Cruzeiro. Já os rivais badalados, mesmo que continuem atuando bem, são times que possuem um esquema tático definido e jogadores já conhecidos do grande público.

Portanto, esse marasmo de início de ano tem tudo para em breve ser convertido em sucesso e vitórias, e quando acordarem para o talento de um Everton Ribeiro, do Ricardo Goulart ou mesmo do menino Vinicius Araújo, poderá ser tarde demais para concorrência.

No mais, dá-lhe Cruzeiro e saudações celestes!

Álvaro Bomfim


Nenhum comentário: