quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Falta pro Flamengo.



Devo confessar aos amigos Cruzeirenses que eu estava com uma sensação estranha antes da partida. Falta para o Flamengo, logo depois de uma falta para o Flamengo. Foi aí que o juiz deu uma falta para o Flamengo. E o Cruzeiro perdeu por 1x0 com um golzinho no fim da partida.

O jogo.

O juiz apitou o início da partida e foi falta para o Flamengo. Falta após falta, o juiz ia sempre apontando infrações favoráveis para o Flamengo. Duas faltas para o Flamengo depois, o Cruzeiro teve boas chances de marcar e abrir o placar. Mas foi falta para o flamengo, infração para o time do rio e lance de perigo de gol para o Flamengo. O primeiro tempo acabou mesmo 0x0, em um jogo truncado que o Cruzeiro até criou, mas não marcou.

No segundo tempo, foram 15 minutos de pressão e faltas... ambas do Flamengo. O Cruzeiro errava muitos passes, enquanto o juiz marcava mais faltas para o Flamengo.

Depois de um início totalmente apático, toda a torcida queria ver em campo Dagoberto, Júlio Batista, Martinuccio... Mas todos ao meu lado apostavam que ele colocaria o Leandro Guerreiro.

Mais um punhado de faltas para o Flamengo depois, M.O. colocou o Martinuccio e o V. Araújo. O Jogo melhorou com o Argentino e o Cruzeiro perdeu uma chance I-N-C-R-Í-V-E-L com o camisa 30 pegando a bola sozinho na frente do Felipe.

Falta para o Flamengo, logo depois de uma falta para o Flamengo. O Cruzeiro recuperou a bola e foi falta para o Flamengo. Falta para o Cruzeiro, com infração marcada para o Flamengo. UM torcedor comprou um cachorro quente e foi falta para o Flamengo. O Dólar subiu com falta para o Flamengo e a taxa Selic subiu também com falta assinalada para o Flamengo.

Aí o M. Oliveira recuou o time e colocou quem? Leandro Guerreiro. Aí fodeu a porra toda: Falta para o Flamengo.

Até que aos 42, em um dos poucos lances que não foi falta para o Flamengo, o rubro negro arrancou sem marcação pela direita, a bola foi tocada para trás e Elias livre chutou, de fora da área para fazer o gol da classificação carioca.

Antes tivesse sido falta para o Flamengo.

Falta, falta, falta... Faltou mesmo foi coragem e futebol para o Cruzeiro hoje. Uma pena, pois o futebol que o Cruzeiro já mostrou na temporada nos fez acreditar que podíamos mais ainda este ano.

Bola para frente.

Pessoalmente, achei que o time sentiu o Maracanã cheio, principalmente o menino Lucas Silva (e, diga-se de passagem, nem de longe estou colocando sobre ele o ônus da derrota). Achei também que o M. Oliveira estragou o time recuando o esquema com o Leandro Guerreiro.

Paciência. O fato é que perdemos, mesmo tendo mais condições.


Que esta derrota não nos desanime para o Brasileirão. E que deixe pontos positivos para o próximo ano, quando nosso elenco estará mais entrosado.

Foco no Brasileiro e força Cruzeiro.

Nenhum comentário: