sábado, 14 de novembro de 2009

Um time "broxante".

Se existe um time capaz de deixar sua torcida apreensiva do início ao fim de um jogo, esta equipe é o Cruzeiro.

Nem mesmo com placares dilatados a seu favor o torcedor cruzeirense tem paz. 1, 2 ou 3 gols de diferença se esvaem em apagões e falhas aparentemente inexplicáveis. Quase sempre com requintes de crueldade, nos minutos finais e acréscimos da partida.

Mas existe explicação sim para isso tudo: falta MALÍCIA ao time do Cruzeiro.

Há quem diga que acidentes acontecem. Mas os jogos contra Vitória, Avaí, Fluminesne e o de hoje, contra o Grêmio, mostram que este time não tem malandragem, maturidade e atenção para segurar um simples resultado.

Segura a bola na lateral, junta 3 ou 4 jogadores para proteger a bola, segura a bola no ataque, não perca gols feitos.... Caia no chão, simule uma lesão, use o veneno de nossos adversário contra eles. Mas não, sempre uma ou outra falha individual, ou um apagão coletivo colocam em cheque nosso time.

Hoje mais uma vez jogamos bem. O Adílson foi ousado, fez o que tinha que fazer. O time também, marcando primeiro gol. Só que mais uma vez, depois de tanto errar, tomamos um gol no fim do jogo... mais um... e saimos do G4.

O Cruzeiro parece aquele garoto que sai na balada, acha a moça mais bonita da noite, ganha ela no papo, com muita luta leva ela para cama e na "hora H", brocha. Depois do jogo de hoje, ouvi dizer que estão estudando mudar a cor do viagra, pois azul ele não pode ser.

Hoje eu e milhões de cruzeirenses estamos chateados. Depois de maltratar tanto esta torcida em 2009, no último jogo do ano no Mineirão, a diretoria deveria por o ingresso a um preço simbólico. Pois pagar e acompanhar o time com o empenho que esta torcida teve este ano e não encontrar recompensa, merece muito mais do que um simples pedido de "desculpas" por parte dos jogadores.

Em tempo, quero ressaltar a TODOS os cruzeirenses que tiverem a oportunidade de ler este Blog. "Enquanto houver esperança, estarei com o time sem desistir".

Mesmo com o empate de hoje, entendam que com minhas críticas não proponho uma caça as bruchas, nem mesmo estou culpando A ou B (nem o AB) por absolutamente nada. Quero apenas ressaltar que um time que almeja algo não pode ser tão ingênuo, tem que ser mais malandro.

Agora, mais uma vez, teremos que lutar fora de casa para ganhar uma partida. Uma não, temos que ganhar TODAS as partidas que nos restam para tentar sonhar com algo.

Que sina!

3 comentários:

PALESTRINO MINEIRO disse...

Concordo com o post. É, mesmo, um time "broxante". Mesmo após o 1 x 0 de hoje, e, ainda, com as expulsões dos gremistas, quando ficamos com um jogador a mais (devido à contusão -- outra -- do Soares), o time não transmitia confiança à torcida. Deixava o Grêmio, com um a menos, encetar ataques perigosos, sem o prévio e necessário combate dos nossos homens de meio-campo. A minha sensação, nesses minutos angustiantes antes do empate, foi a mesma do fatídico jogo contra o Estudiantes, por ocasião do primeiro gol dos argentinos, oriundo do lançamento longo do Verón. Quando o jogador gremista, na nossa intermediária, dominou para servir à "Barbie" na direita, sem receber combate, me assaltou o mesmo estranho pressentimento de que algo ruim ia ocorrer. E, infelizmente, não deu outra : o time, mais uma vez, entregou um jogo ganho no apagar das luzes...Assim, o improvável título já era, mesmo. Resta-nos, agora, a última esperança dessa vaga no G-4, a qual -- parece -- nossos jogadores não têm gana suficiente para conquistar. Matematicamente -- e também pela tabela dos próximos 3 jogos dos postulantes ao G-4, ainda há bons motivos para sonharmos com a LA/2010. Mas a "atitude" do time nos momentos decisivos não nos autoriza a desfrutar tanto desse sonho...

Geraldo Henrique disse...

É brincadeira viu!
Esse ano tá fodaaa!!
O pior é que estávamos com a bola literalmente nas mãos ao final do jogo.
Lateral cobrado em nosso favor, o jogador perde a bola para o jogador do Grêmio, e aí sai o lance do gol no final.
Acho q esse empate de ontem foi a derrota mais doída este ano viu (exceto a final da Libertadores).
ô vida!!!
Mas vamo q vamo.
Ainda não acabou.

Zêêêêêêêêêêroooooooooooooo!!!!!

Naty disse...

"Enquanto houver esperança, estarei com o time sem desistir". ²

Concoordo coom TUDO , tudo mesmo
espero qe nosso tri seja ano que vem (yn)
tenho fé em Deus e no Cruzeiro (apesar dele nao merecer tanto aiosaoisa)

adoreei o blog, e o vídeo no youtube mostrando a Sampa Azul *-*