domingo, 29 de novembro de 2009

Com a mão no caneco... de cerveja!

Depois de tantos resultados adversos no Mineirão, finalmente o Cruzeiro fez valer o fator "mando de capo" e tratou de despachar o Coritiba pelo placar de 4x1.

É bem verdade que a desconfiada torcida estrelada ainda levou um belo susto com o time paranaense abrindo o placar aos 11 do primeiro tempo. Mas a pontaria de Henrique (que este ano acertou tudo e mais um pouco chutando de fora da área) e o oportunismo de Jonathan garantiram a virada cruzeirense ainda no primeiro tempo.

W. Paulista - de pênalti - e o jovem garoto Eliandro trataram de dar números finais a partida, que só não foi mais ampla pois Athirson perdeu um gol feito e o zagueiro do Coritiba, em um lance cômico, tirou uma bola certeira meio que sem querer, quando seu corpo "ricocheteou" na trave celeste.

Embora difícil, o Cruzeiro ainda chega vivo na luta pela Libertadores na última rodada. De todos os adversários, fica nossa torcida para que o Botafogo fuja do rebaixamento derrotando o Palmeiras no Engenhão. E, claro, que o Cruzeiro faça a sua parte contra o Santos.

De qualquer modo, hoje um prêmio de "consolcação" foi dado à torcida celeste. Depois de 35 rodadas, o Cruzeiro ultrapassou o arqui-rival Atlético e fez a alegria de diversos cruzeirenses que fizeram apostas com torcedores galináceos.

Tarda mais não falha! Agora um empate garantirá este prêmio de consolação para a torcida celeste, além de litros e litros de cerveja.. (hahaha). Pelo menos nesta disputa, estamos com a mão no caneco... de cerveja!

Brincadeiras a parte, é pouco para quem teve hoje a certeza de que poderíamos - de fato - ser campeões brasileiros se na hora "H" não tivéssemos falhado tanto.

Que venha o Santos! E que mais uma zebrinha passeie pelos campos de São Paulo e Palmeiras, deixando uma vaguinha na LA2010 para gente.

2 comentários:

PALESTRINO MINEIRO disse...

No futebol, como na vida, não adianta lamentar o passado; mais vale dele tirar lições para o presente e o futuro. No caso do Cruzeiro no Brasileirão/09, perdemos pontos ditos "bobos", mormente dentro de casa, que ora nos custam a perspectiva de disputar o título máximo na última rodada. Menos mal que ainda podemos sonhar com a vaga na LA/2010, desde que vençamos o Santos e o Botafogo consiga a proeza de escapar do descenço, com uma vitória sobre o Palmeiras. No fim das contas, considerando-se a tragédia da perda da LA/09, as frequentes contusões e o episódio "Kléber", a campanha pode ser avaliada como muito boa. Quem sabe o destino ainda nos reserva boas novas daqui a uma semana? Adílson Batista e a maioria dos jogadores bem que as merecem, "para o delírio da torcida cruzeirense" (a verdadeira, que torce para o time e não contra o treinador)...

Geraldo Henrique disse...

Vamo q vamo!
Nesse campeonato pode acontecer de tudo!
Tenho fé. hehe!!

"Sempre veremos as frangas perder e chorar!
A história não mente, jamais vai mudar!"