segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Mais um passo rumo ao G4


Mais uma vitória apertada, suada e difícil. Jogamos contra uma boa equipe, contra a torcida adversária e contra o juiz que tentou a todo custo prejudicar o time do Cruzeiro. Só que é nas grandes adversidades que nós crescemos e ontem, no Pacaembú, não foi diferente. Vencemos mais uma partida, a quarta na seqüência.

Ontem, o time lutou como tem sido de costume. Um verdadeiro presente para a torcida celeste que LOTOU o espaço visitante, entoando as músicas que agitam a torcida cruzeirense Brasil a fora. Um verdadeiro espetáculo, como deve ser. Alegre, vibrante e na paz.

Agora temos mais 2 jogos em casa, e contra adversários que estão na ponta de baixo da tabela. Que a torcida não espere jogos fáceis, mesmo sabendo que temos um time superior e que jogaremos em casa. A toada destes jogos tem sido de partidas apertadas, disputadas e sofridas. Esperemos que os resultados positivos também se repitam.

Queria mais uma vez parabenizar a torcida do Cruzeiro, em especial os amigos da Sampa Azul que marcaram presença também no espetáculo. Alguns se juntaram na sede para ir junto ao Pacaembú, outros já foram direto para o campo... Mas todos estavam lá, presentes e incentivando o time.

Agora é se reunir novamente para, na próxima quarta, darmos mais um passo rumo ao G4. E vamos assim, como nos é peculiar, comendo pelas beiradas. quem sabe não deixam um caneco cair no nosso colo até o fim de campeonato.

Me despeço de vocês deixando aqui uma pequena amostra da vibração e da festa da torcida na vitória de ontem. Vamos vamos, Cruzeiro!



4 comentários:

GH disse...

Vamo que vamo!
Rumo ao título!! hahaha!
Estou achando que vão colocar o caneco no nosso colo hein!!! hehe!!

Eduardo Mano disse...

hahahahah...
Por via das dúvidas, eu já "garrei" minhas luvas de goleiro pra, quando deixarem essa taça cair aqui, grudar nela que nem o Fábio.
hahahaha...

PALESTRINO MINEIRO disse...

O Cruzeiro E.C., o nosso querido Palestra Mineiro, é o verdadeiro representante do futebol e do ESPÍRITO mineiros perante o Brasil. A par de ser o maior e o mais vitorioso clube de Minas Gerais(seus títulos nacionais e internacionais assim o confirmam), a sua "alma" é aquela genuinamente mineira: 1.Luta brava e lealmente, dentro do campo de jogo, sem recorrer a esquemas corruptos de arbitragens, federações e imprensa;2.Não conta com vitórias e títulos antes de conquistá-los, aguardando a realidade para, aí sim, comemorá-los;3.Não exibe arrogância e soberba, em palavras e atitudes mesquinhas, adotando sempre a discrição e a modéstia como modelo no seu objetivo de conquistas grandiosas; 4.Não precisa regozijar-se ou fazer carreatas com as derrotas do adversário, tendo a exata noção do que é VENCER pelos próprios méritos, em vez de consolar-se com o eventual fracasso alheio (o que nada mais é que um sinal de total IMPOTÊNCIA). Assim, neste Brasileirão, mais uma vez e mineiramente, "comendo pelas beiradas", estamos chegando, o Palestra está chegando...

Anônimo disse...

Este jogo foi D+... sofrido como nos últimos tempos... mas valeu a pena ter ido ao Pacaembu!!! Michelli