sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Vem ‘ni mim’, 2014!


Fala galera. Depois de um tempo sem tempo e saco para escrever aqui no Blog, graças a ressaca do Tri, eis que volto para anunciar ‘o início dos trabalhos’ para nossos amigos da Sampa Azul. Afinal de contas, se 2013 foi um ano especial para toda a nação celeste, 2014 promete muito e nós precisamos acompanhar este grande momento do nosso time, não é mesmo?

Para cobrir o ‘básico’, aqui vão algumas curtas para discutirmos. O silêncio foi grande e os assuntos se acumularam. Vamos a eles.


Relembrar é viver.

2013 começou com dúvidas e acabou com um time campeão, jogando um futebol alegre e para frente. E para que a justiça seja feita, é importante destacar momentos e posturas cruciais para o sucesso do time.

Gilvan, Alexandre Matos e Marcelo Oliveira. Se me perguntarem, estes foram os grandes responsáveis pelo grande momento da Raposa.

O primeiro, pela sua postura como dirigente. Bancou o M. Oliveira quanto 90% da torcida não desejava ver o treinador na Toca.

O Mattos, que brilhantemente contratou sem alarde, jogadores como Dagoberto, Dedé, Júlio Batista e ainda garimpou excelente valores como o Ricardo Goulart. Sempre em grande sintonia com o presidente.

E o Marcelo Oliveira, que conseguiu armar um time muito bom, definiu um esquema de jogo, controlou vaidades e egos e ainda acabou o ano com um elenco super unido e motivado.

Não consigo não pensar em como foi importante termos vencido aquele primeiro jogo de reinauguração do Mineirão ano passado. A vitória sobre o rival logo no primeiro jogo deu ao Marcelo a paz que ele precisava para trabalhar.

Quem brilhou em 2013 também foi o MKT celeste. Não ví clube no Brasil com tantas propostas e ações quanto o MKT celeste. Teve jogador apresentado em Supermercado, em Carro Forte, um programa de Sócio Torcedor cada vez melhor e mais vantajoso, trabalho em conjunto com o Movimento para um Futebol Melhor... Isso sem falar a ida para a Disney que uniu elenco e família dos jogadores de uma forma sensacional. Sério, foi de tirar o chapéu!

Isso tudo, coroado com a participação muito importante da torcida. Este foi o ingrediente essencial para ‘dar liga’ em todo este trabalho feito pelo presidente, treinador e jogadores. Vocês foram responsáveis por tudo de bom que aconteceu com o Cruzeiro, fazendo seu sócio, indo ao Mineirão, fazendo a sua parte.


Contratações e intertemporada.

Pessoalmente, odeio este período do ano. Qualquer coisa vira notícia e muito pouco é fato concreto. Por isso, este ano decidi passar longe de notícias de contratações. Agora, com o cenário mais determinado, fica mais ‘fácil’ dar aquele pitaco bem abalizado. (rs)

Se no início de 2013 ninguém sabia o que seria do nosso Cruzeiro, o começo de 2014 chega cheio de perspectivas. Temos nada mais nada menos que time campeão Brasileiro em mãos. E a maior vitória desta temporada de negócios, no meu humilde ponto de vista, foi a preservação de TODOS os jogadores importantes e titulares da campanha do Tri. Mesmo que alguma peça ainda se vá, a espinha dorsal está mantida.

Se 2013 deixou uma aprendizado, esta lição foi: nunca duvide da capacidade e trabalho da dupla Gilvan e A. Mattos. A política agressiva foi substituída pela contratação pontual de bons valores para estimular a concorrência no time.

A chegada de jovens e talentosas apostas como o Marlone até deixam o time um pouco inchado, mas vejo isso como uma estratégia para deixar peças prontas para possíveis perdas de jogadores pós Libertadores.

Em outras palavras, o trabalho continue bem feito e consistente. Tudo para que o time renda ainda mais em 2014.


Libertadores e demais campeonatos.

Desculpem a sinceridade, mas eu não dou a mínima bola para o Campeonato Mineiro. Por isso, para mim, ele deve ser utilizado como preparação do time principal para a Libertadores e, em sua maioria, como laboratório para os novos e antigos jogadores em busca de espaço no time principal.

Botem aí o V. Araújo, o Alisson, o Élber, o Martinuccio para jogar. Coloquem a zaga reserva para bater uma bola também e ganharem rítimo e tempo de bola. Deixem o Rafael ter uma sequência. Acho que o ‘sangue nos zoio’ dos reservas em busca de seu espaço há de ser suficiente para levar o time para as finais do ruralito.

Deixem o time principal focado na Libertadores. Esta sim, a cereja do bolo em 2014. Em um ano atípico, será necessário ter sabedoria para administrar a maratona de jogos, a pausa para a copa e as possíveis perdas de peças no segundo semestre.

Embora o futebol brasileiro esteja acima de todos os demais da América do Sul, e de grandes camisas não estarem presentes nesta edição da Libertadores, se engana quem pensa que teremos um torneio fácil. Libertadores NUNCA é fácil. Joga-se contra o time adeversário, contra o campo ruim, contra cidades longe, contra a altitude e o cansaço. E ainda há os time brasileiros, sempre perigosos, independente de seus momentos atuais.

É preciso ter foco total e apoio incondicional da torcida para se buscar a tão sonhada taça.


O ano da torcida.

Gostou do time de 2013? Gostou de não ter perdido os grandes nomes do time? Gostou de ter contratado boas apostas, enquanto os demais times rebolam para pagar salários? Se você falou SIM para qualquer uma das perguntas acima, saiba que tudo isso é consequência da SUA participação.

Não tem mágica. Não tem papo. O Cruzeiro será do tamanho que sua torcida permitir. Por isso, se tornar sócio do Cruzeiro e estimular amigos que façam o mesmo é a única saída para que este cenário não mude. Ou melhor, para que ele só melhore.

O que eu sei:
• O projeto do Futebol melhor vai vir com tudo para ajudar nessa meta de conseguir novos sócios. Fiquem ligados que teremos novidades muito em breve, ações inovadoras.

• O Cruzeiro já está olhando com carinho o projeto de embaixadas. Eu sei que já está no budget do time para este ano um projeto desta natureza. Para amigos da Sampa Azul, não é preciso falar muito mais, não é mesmo? Muita coisa boa vem por aí e, por isso, a sua participação é fundamental.

2014 é ano com potencial para atingirmos 100 mil sócios torcedores. Só depende – literalmente – da gente.

Ainda não é sócio? Quer saber mais? Quer indicar para um amigo? Então segue o link: http://www.sociodofutebol.com.br/crusempre/www/comparativo/index.php

 
Nossos assuntos:

Dia 26 de janeiro, começa o ano na Sampa Azul. Estaremos lá para o primeiro jogo do Campeonato Mineiro.

 Também dia 26, entregaremos as camisas da Sampa Azul para quem não retirou a sua na primeira entrega. Fique ligado e compareça!

 Ao que tudo indica, a entrega da segunda leva também vai acontecer na abertura do Campeonato Mineiro. Confirmaremos nos próximos dias.

Divulguem nosso Blog (http://www.sampaazul.com.br) e nossa Fanpage (http://facebook.com/SampaAzul) para o máximo de pessoas que você conseguir. Isso será FUNDAMENTAL para que consigamos cada vez mais apoio do Cruzeiro.
Ou seja, com tanta expectativa boa, só tenho uma coisa a dizer neste momento...

Vem ‘ni mim’ 2014!


Vamos Cruzeiro!

Nenhum comentário: