quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Por um returno melhor.


Turno novo, vida nova? Não. Turno novo, vida ainda melhor. Esta é a expectativa de toda a torcida celeste para o returno do Brasileirão. Expectativa esta que começou a ser correspondida ontem, na vitória contra o Atlético-GO, no estádio Serra Dourada.

Tudo bem que vencer Atléticos é uma especialidade celeste. Mas o jogo de ontem foi realmente bom. Tudo bem que foi contra um adversário cheio de limitações e no fundo da Tabela. Mas só o torcedor celeste sabe que o fato de não ressuscitar mais um desesperado já é algo a mais para se comemorar.

Com a bola rolando, só deu Cruzeiro. Logo de cara, Wallyson tabelou com Tinga e chutou uma bola na trave. E boas jogadas seguiram até que Montillo cobrou escanteio pela direita e encontrou Borges para fazer 1X0.

Grande preocupação mesmo, só aos 42, quando Wallyson cometeu pênalti em Eron. Para nossa sorte, o goleiro ‘quase’ artilheiro do Dragão bateu e perdeu a chance de empatar.

Já no segundo tempo, o jogo mudou um pouco.
O Cruzeiro simplesmente recuou demais e deixou o Atlético-GO rondar mais a sua área. Uma postura que chegou a me preocupar muito, pois era um futebol bem diferente do primeiro tempo. Para ‘piorar’, o nosso camisa 10 teve de deixar o campo. Montillo sentiu um leve incômodo na coxa e pediu para sair.

Mais para frente, Borges deixou o campo para a entrada do W. Paulista. E qual é o ‘super poder’ dele? Bater pênaltis. E não é que pouco mais de 2 minutos depois que ele entrou em campo, Tinga fez bela jogada que acabou em pênalti para o Cruzeiro.

WP na bola, tradicional corridinha estranha e bola na rede. Cruzeiro 2x0 e na ‘comemoração’, não houve comemoração. Seria mais uma das ‘manifestações’ pela reserva? Não interessa.

O importante mesmo é que depois do segundo gol, o Cruzeiro cresceu novamente no jogo e só não goleou por falta de pontaria dos nossos jogadores. Foram, pelo menos, duas chances claríssimas de gol.

 
Fim de jogo, mais 3 pontos, G4 mais próximo e dois jogos em casa. Equação mais do que suficiente para animar o povo que compareceu na Sampa Azul para este jogo e para toda a torcida celeste Brasil a fora.

Domingão tem mais.

Vamos Cruzeiro!

Nenhum comentário: