quinta-feira, 7 de junho de 2012

6 minutos, 3 gols.



Que saudade de vitórias como a de hoje. Enfim, depois de 50 dias, um motivo para comemorar. Mesmo que tenha sido sofrido, desesperador e angustiante assistir a um primeiro tempo inoperante e chegar a ver o Cruzeiro sair perdendo de 2x0. Uma virada como esta e os preciosos 3 pontos – ainda mais fora de casa tem de ser comemorados.

Na etapa inicial, Roth manteve o esquema de 4 volantes no meio com a dupla WP9 e Montillo no ataque. Resultado, um time que marca muito mas não cria nada. E com um gol contra do Amaral, o Botafogo saiu na frente da partida.

No segundo tempo, Roth sacou o Souza, recuou o Montillo e colocou o estreante Fabinho para jogar. Com 5 minutos, o time já mostrou melhoras e o Montillo passou a jogar muito, mas muito mais do que vinha fazendo.

Apesar da melhora, foi o Botafogo, com Herrera, que marcou mais um gol e ampliou o placar, levando os torcedores cruzeirenses ao mais puro estado de tristeza e desespero. Sorte que os cruzeirenses do campo não se abateram.

Sairam Marcelo Oliveira e Amaral para a entrada de Anselmo Ramom e Everton. E em pouco mais de 5 minutos o Cruzeiro fez mais do que havia feito o jogo todo... do que havia feito o campeonato todo.

Aos 38, Matheus chutou e A. Ramon desviou de cabeça para dinuir. Dois minutos depois, Everton marcou aproveitando o Cruzamento do próprio Anselmo Ramon. E aos 34, W. Paulista fez – de um pênalti originado em jogada de Fábio, Fabinho e Montillo – o gol da incrível virada.

Depois disso, o Cruzeiro conseguiu segurar o resultado e buscou – de forma inacreditável – seus primeiros 3 pontos fora de casa no campeonato.

Excelente vitória, maravilhosos 3 pontos. Mas muito preocupante ainda a situação do time. A necessidade de reforços é algo gritante, em especial para as laterais do time. Marcelo Oliveira, Diego Renam e Amaral são, com muita boa vontade, limitados.

Pessoalmente, ainda conto pontos para fugir do desespero. Mas sei que este time pode render mais para, pelo menos, economizar tamanho desespero por parte da nossa torcida.

Vamos Cruzeiro. Agora é contra o Sport em Varginha. Temos tudo para jogar melhor e buscar mais 3 pontos.

Força Cruzeiro!

Um comentário:

Anônimo disse...

Segundo tempo interessante. Se jogar com 2 atacantes esse time encaixa até mesmo com poucos reforços, um lateral e um atacante para chegar e jogar. Obs.: O QG ESTÁ SENSACIONAL!!! Sds celestes, Bomfim