domingo, 21 de novembro de 2010

Fazendo nossa parte...

Cruzeiro ganha do Vasco por 3x1 e garante vaga na Libertadores, ao mesmo tempo que mantém o sonho do título vivo.

Blitz e três gols.

O Cruzeiro precisou de exatos 32 minutos para acabar com o Vasco nesta noite de domingo. Com um ótimo volume de jogo, só o time azul pegava na bola na primeira meia hora de jogo.

Logo de cara, Wellington Paulista, também conhecido como ‘Washington Paulista’ pelos gols que perdeu, desperdiçou duas oportunidades de abrir o placar. Uma de cabeça e outra em um peteleco sem direção na pequena área.

Mas vejam vocês, em três cobranças de escanteio (isso mesmo, aquela jogada que nunca nos causa ‘frisson’ de gol) o Cruzeiro fez o placar que mereceu na primeira etapa. Roger em rebote, aos 13, Henrique de cabeça, aos 19 e Edcarlos, em novo rebote aos 32 marcaram os 3 primeiros gols da partida.

O Vasco passou a tentar algo para diminuir a diferença, mas o jogo estava muito fácil. Tão fácil que o Cruzeiro relaxou demais. E quando a água da chuva começou a cair em Sete Lagoas, o Vasco diminuiu com Renato Augusto, no último lance do primeiro tempo.

Segundo tempo sem graça.

O gol vascaíno criou uma leve tensão na partida. O jogo que estava ganho poderia ganhar contornos dramáticos. A equipe carioca até veio para uma leve pressão, mas o time atual do Vasco não oferece muito risco para ninguém.

Se pudesse, o Cruzeiro pediria para o juiz acabar o jogo aos 25 do segundo tempo, pois a partir dai foi um tal de toca para lá, e toca para cá, que não levou o time celeste para um placar ainda mais favorável.

Fim de jogo, Cruzeiro 3x1 Vasco, para a festa da galera que compareceu na Sampa Azul para curtir mais esta vitória. Com o triunfo, o time garantiu a vaga para mais uma Libertadores, a quarta seguida. De quebra, ainda pode sonhar com o título do Brasileirão.

Eu acredito... e você?

Vamos Cruzeiro!

2 comentários:

Anônimo disse...

Cruzeiro vai ser campeão ! Pode aguardar...

Bernardo Duca disse...

A batalha so acaba no final...
Enquanto houver um de nós de pé eu ainda acredito...Seremos campeões...